Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

segunda-feira, 17 de março de 2014

Isso aí só pode ser coisa para sacanear flamenguista!


A sorte do Framengo, ou Flamingo (como é (des) conhecido na Alemanha, se preferirem), é que o Tanabi não disputa o Carioca, o Brasileirão e a Libertadores.  Dando no lancenet.

6 comentários:

Thomas Beta disse...


Sou obrigado a reconhecer uma evolução recente do time do Botinha...

Parece que agora acabou a era dos intermediários...

Depois de a mulher do técnico mandar a torcida engolir suas lamúrias e a mulher de um jogador mandar a torcida tomar no... bom... vcs sabem...

Agora é o PRÓPRIO TÉCNICO, que, para não deixar qualquer rastro de dúvida, vaticinou:


"Torcida de m...."
(Eduardo Húngaro)


Agora é oficial!

SRN

Thomas Beta disse...


Taí...

Gostei dessa do Flamingo a que o PC se agarrou. É também uma ave e das mais simpáticas.

E o melhor de tudo é que o 'apelido' foi dado por dois dos mais renomados transeuntes de toda a Alemanha!

Bem que eles poderiam vir ao Brasil perguntar sobre os times da primeira divisão de lá.

Tenho certeza que qualquer brasileiro pronunciaria com ainda mais propriedade nomes como Bochum,
Karlsruher ou Borussia Mönchengladbach.

Flamingo é Flamingo! (putz... não é que ficou bom mesmo?)

Valeu, PC! Retribuo com uma frase motivacional que li recentemente.


"Torcida de m...."
(Eduardo Húngaro)




PS: não sei porque o jornal suprimiu a palavra inteira mas penso que esse 'm....' deve ser de algo muito bom, não? Não!? Ihhhh... foi mal...

Cristian Hofman disse...

Vejo que o nosso bravo autor desse simpático espaço da blogsfera tem uma aptidão peculiar por coisas que estejam relacionadas ou correlacionadas ao Mengão.
Afinal, se dependesse de seu clubeco, estaria praticando arte culinária.
Saudações do rei dos clássicos!

Marcos Paret disse...

Thomas.

Lembre-se do brasileiro de 2008, quando Caio Junior estava ali no banco, o timeco patinava e assim, num gol ao estilo chuta o que vier pela frente, Leo moicano, o rebotalho do Botafogo, anotou o gol, olhou para cima e saiu dizendo que a mãe de vocês não estaria bem em casa como todos acharam, claro, além de mandar que todos fossem tomar naquele lugar enrugado (ou ex enrugado).

Que me perdoem os demais amigos do blog pelo uso de palavras inadequadas mas o desespero faz a galerinha sem noção perder o foco, não é mesmo caro Crist.. oopsss.. Thomas?


Não FLAdianta Thomas. Nós já subimos o morro na Libertadores. Na quinta-feira, não me venha com chorumela de desfalques. Lá dentro, são 11 contra 11.

pc guimarães disse...

Cabañas é apenas um retrato na parede. Mas ainda dói.

Marcos Paret disse...

Tá aí.

Gostei da frase.


"....Cabañas é apenas um retrato na parede. Mas ainda dói...."


Põe no destaque aí PC!


:-)