Livro sobre o Sandro Moreyra

Livro sobre o Sandro Moreyra
PRÉ-LANÇAMENTO - 22 DE AGOSTO - GENERAL SEVERIANO

Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

quinta-feira, 17 de julho de 2014

Será mesmo que o Loco Abreu vai voltar agora?

Loco Abreu é trunfo de campanha de um dos candidatos à Presidência. Acordo ou o Maurício atropelou o cara? De qualquer forma, eu gosto da volta do Loco. Tem garra, tem identificação com o clube, incomoda os adversários e é ídolo. E vocês?

14 comentários:

Gustavo Menezes disse...

Bom dia PC. Bom dia GLORIOSOS amigos. Bom dia comuns, precisam muito...
Aprovo o retorno do Loco. Não como 'salvador da pátria', mas para preocupar os comuns.

Marcos Paret disse...

Não gosto. É querer comer um sanduba que foi feito na semana passada mas ficou esquecido no canto do balcão da lanchonete.

__________________________

Mas o que quero mesmo é continuar minhas reflexões sobre o 'momentus urubulinus'.


Esse tal de menguitinho não é mole hein?


fra-Dolski - reserva em Berlim e em Macaé.

Chico da Kombi disse...


O Mr Cavadinha Loco13 devia ser contratado para presidente do Botafogo.

PRESIDENTE!

MARCO CAMEJO disse...

Continuo com minha fé nas cores míticas do mengo inabalável...Musiquinha de fundo: "seremos campeões" ...



Sou ateu, observo tudo sob a ótica da razão, todavia minha única faísca de fé se chama flamenguismo.

achem loucura, insanidade e sei lá mais o que em acreditar num time que passados 40 dias continua apresentando o mesmo futebol pesaroso e cheio de chutões pra frente, Assim como acho loucura acreditar numa entidade onipotente que se divide em três e que cria seres pra depois matar...

Achem loucura, insanidade.

Acredito sim no Flamengo. E ponto final.

Thomas Beta disse...


Ri demais do "repúdio veemente e gritante" dos botinhafoguenses aos alemães, por conta da gozação com os argentinos.

Quanta sinceridade... quanta nobreza...

Justamente os caras que discriminam até irmãos brasileiros que pertencem às camadas mais baixas de renda.

Capazes de frases como:

"E se acham os argentinos macacos o que será que pensam dos framinguistas?

Olha, não tenho motivo algum pra defender alemão e até acho que eles são, sim, preconceituosos, mas deixemos de hipocrisia...

Os arco-íris são tão ou mais preconceituosos que os alemães. A única diferença é que estes últimos pedem desculpas.

Marcos Paret disse...

Bom Caro Thomas. Não uso expressões preconceituosas para me referir à mulambada (a não ser essa mesma, assumida por vocês).

Parênteses aí, valeu?


_____________

Vou falar de Copa no próximo comentário. Já assisti a 12 delas e acho que posso sim fazer uma reflexão.

Marcos Paret disse...

O QUE SE ESCREVE HOJE, NO CALOR DOS FATOS (e a realidade, bem diferente).

“.......Neste ano de 2014, o bem trabalhado e meticulosamente projetado futebol alemão passeou na Copa realizada no Brasil sem concorrência à sua altura........”
_____________________

Esquece-se que a Holanda, mesmo tendo no seu maior craque um sujeito torto para o lado esquerdo (mas sem uma nesga do talento daquele outro que o era para o lado direito), jogou o fino até amarelar contra a Argentina,

Esquece-se igualmente que esta mesma Argentina, cujos jogadores que poderiam fazer a diferença não mostraram serviço e seu maior craque, à moda ‘amarelões em Copas’, sucumbiu ao vômito, não ganhou a final por dois chutes tortos e, mais ainda,.....

Esquece-se que a tal Copa das Copas foi, na verdade, composta por 3 times decentes, bons times médios/pequenos e no mais, um amontoado de times meia bomba ou até medíocres (caso do nosso), e que a denominação superlativa se deu apenas por ser o torneio realizado aqui, com toda a expectativa que foi criada.

No futuro, dir-se-á o óbvio: um time de comum para bom da Alemanha, contando naquela final com a sorte de ter nos adversários jogadores nervosos, ruins e/ou cansados (escapou de levar 2 gols na final que seriam decisivos, nas jogadas acima citadas), levou a taça e por anos, se vangloriou de ser um futebol revolucionário, vistoso e inigualável do ponto de vista da organização.

Ora, já ouvimos isso quando a França saiu da sorte de 98 para passar o rodo em campeonatozinhos, até cair na real na Ásia, ouvimos igualmente daquele irritante toque de bola sem centroavante, aturando aquela Espanha de modinha até vê-la de joelhos ante os mesmos Davi Luiz, Luis Gustavo e Dani Alves na insossa Copa das Confederações de 2013 e vamos ver esta história se repetir em outras épocas (talvez não nós, mais velhos, mas sim a galera ‘da hora’).

Repito, vou gritar e nunca vou parar de encher o saco de todos: a única revolução no futebol surgida depois de 58 foi a do carrossel holandês de 74. Até eles, hoje vendo a dificuldade em fazer o resultado chegar, mudaram e jogam sim, com eficiência mas também com uma rigidez (quase violência) antes inimaginável para as gerações que foram até Seedorf/Gullit.

Torquemada disse...

Se o Loco vai voltar eu não sei, mas que os framengueiros continuam nos divertindo... ah, isso sim!

http://www.lancenet.com.br/flamengo/Gafe-Eduardo-Silva-Mundo-Ucrania_0_1176482456.html

Mauricio Peres disse...

Como Gilmar Rinaldi e Alexadre Gallo, o futebol brasileiro encontrará sua redenção...

Fernando Almeida disse...

Parabens, Paret. Tirei o chapeu agora.

Marcos Paret disse...

Começa a paulistização do futebol brasileiro.

Quem viver, verá.

Eduardo dudu disse...

O comentário citado acima pelo Thomas nahas beta é meu e claro que dá uma bofetada no politicamente correto, mas tb se trata de uma constatação, pq não é de todo mau pensar que se pensam assim de um povo com raízes européias mais fortes que a nossa o que pensarão de nós brasileiros......Bem só no lugar dos brasileiros coloquei os framinguistas que são os cavalos de são jorge eternos, adoram ser usados, basta que lhes contem uma mentira, se é que me entendem.

Eduardo dudu disse...

Gilmar Rinaldi "Sacanagem ou pegadinha" Falou Romário e disse mais:
"É inadmissível Gilmar Rinaldi ser escolhido para assumir o cargo de diretor/coordenador de Seleções da CBF. O cara é empresário de vários jogadores. Tive o desprazer de trabalhar com ele no Flamengo, é incompetente e sem personalidade. Posso afirmar que vai fazer da CBF um banco de negócios para defender os seus interesses. Só os ratos do Marin e Del Nero para escolherem uma pessoa como essa.

Leia mais no LANCENET! http://www.lancenet.com.br/selecao/Sacanagem-pegadinha-Romario-Gilmar-CBF_0_1176482524.html#ixzz37lWwxtiy
E assim caminha a futebol brasileiro cbf rica globo rica e clubes á míngua.

Eduardo dudu disse...

Pessoal o melhor que já li com relação ao assunto:

Voz de Raimundo Cerqueira.

Não foi um apagão de 6 minutos contra a Alemanha o grande problema do Brasil na Copa. Trata-se do reflexo de anos de atraso estrutural do nosso futebol, iniciado pela alta cúpula da CBF. Sinceramente, não vejo perspectiva de mudança em médio prazo. O que impede a necessária reviravolta no futebol brasileiro é um intrincado jogo de interesses de altas cifras, envolvendo política, poder e a maior rede de TV do país, a Globo. Natural que a postura da emissora diante do descalabro do nosso futebol há anos esteja sendo tão amena e pouco crítica. Sim, a Globo comprou a tese do apagão de 6 minutos. E não é por miopia. É interesse comercial mesmo. – Raimundo Cerqueira.



Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrissima/2014/07/1484818-como-e-por-que-a-goleada-virou-piada-instantanea-na-internet.shtml

Publicada por Rui Moura à(s) terça-feira, Julho 15, 2014

Isso sem falar na asfixia financeira imposta aos clubes exceto cúrintias e framingo.