Livro sobre o Sandro Moreyra

Livro sobre o Sandro Moreyra
PRÉ-LANÇAMENTO - 22 DE AGOSTO - GENERAL SEVERIANO

Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

terça-feira, 22 de julho de 2014

Dunga começa falando besteira na primeira entrevista

Arte (inacabada) do genial Cláudio Duarte

E Dunga acaba de dizer na primeira entrevista: "Roubar bola também é arte". Meu Deus! Acho que o Willians, aquele botinudo que jogou no Framengo e agora está no Inter, vai ser o primeiro convocado.

Isso aí não vai dar certo de novo.

6 comentários:

Marcos Paret disse...

Nossa seleção, que já foi ao estilo brucutu, sem Kaká, sem Robinho, sem Felipe Coutinho e sem Lucas, estava ruim.

Pois o que é ruim para essa gente da CBF só tende a piorar.

Marcos Paret disse...

Vem aí a era Dunga-III, a cagalhopança final.

Mas podem também chamar de 'a diarréia cerebral do futebol brasileiro'.

Pablo disse...

PC, a torcida da Globo, digo, do "mengão", inovou. Não satisfeita com o lateral esquerdo do time meteu a porrada nele ainda na saída do estádio e, ato contínuo, a diretoria azul do clube rescindiu o contrato do meliante, digo, jogador.

Se a moda pega, hein?

Agora, será que o soprador de domingo(ou auxiliares) vai garantir o resultado que "evitaria uma tragédia"? Essa desculpa é muito utilizada pelos farsantes do "Futebrax" brasileiro...

Abs
Pablo
PS: seu blog continua sob ataque de vírus...

Marcos Paret disse...

Eu li sobre essa agressão ao atleta rubronegro Pablo e, apesar de não ter lembrado de citar isto em comentários anteriores, faço-o agora.

Lamentável sob todos os aspectos o ocorrido. O profissional pode ser um desestruturado, um cachaceiro, um irresponsável ou o que for: que lhe peçam a cabeça, que o vaiem em campo, que exijam sua retirada do grupo mas agredir da forma como o fizeram, lembra aquelas atitudes selvagens que vemos pela TV lá no Século XVII, digo, no Oriente Médio. Cadeia para os agressores!

Pablo disse...

Mas Paret, se o framengo correr como nunca no domingo em busca da vitória estará provado, mais uma vez, que o método funciona.

Não foram poucos os exemplos iguais no passado, com o próprio framengo, o Corinthians, entre outros.

É bom lembrar que essa é a única linguagem que muitos jogadores entendem, vide o que eles e seus seguranças costumam fazer nas noitadas com aqueles que os incomodam...

Abs
Pablo

Marcos Paret disse...

Pois é amigo Pablo, mas ainda assim condeno.

Sabe como? No caso em questão, ouço, visualizo a cena e me ponho no lugar: alguém, por sacanagem mesmo, fica puto com um troco errado, com uma resposta qualquer que posso ter dado e aí, assim que entro na Van pegam o galerão e mandam me tirar de lá já 'pranchando'.

Cara, já apanhei, já bati, já deixei neguinho no prejuízo e já saí igualmente no prejuízo (outros tempos - hoje estou na diplomacia) mas sempre um contra um. Uma turba em cima, um chutando a cara, outro porrando a costela e o cara sozinho, apanhando e nem mesmo podendo proteger nariz, boca, crânio, deve ser do kcete.

Desculpe, mas que incentivem o time de outro jeito.