Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Você é a favor da tese de Neném Prancha de que se concentração ganhasse jogo o time do presídio seria imbatível?

Como diria meu camarada do programa "Conexão", Fábio Lau: "vamos falar de futebol, vamos falar de alegria". O Lance! de hoje publica uma interessante matéria sobre concentração. Como diria Luis Roberto: "Bem legal". E tudo porque os jogadores do Botafogo estão se recusando a se concentrar por causa do atraso nos pagamentos. É o que dizem. O artigo do Mauro Beting abaixo ficou bem bacaninha. E você, caro amigo? É a favor da concentração?



9 comentários:

eduardo schiefler disse...

O problema é que a maioria esmagadora dos jogadores do Brasil na série A são crianças mimadas e sem estudo que ganham salários absurdamente altos comparado com a média da pessoas que tem trabalhos considerados normais.
Mesmo com concentração alguns conseguem fazer bobagem atrás de bobagem.
Se tivesse um Seedorf em cada time do país, garanto que essa molecada folgada ia olhar e pensar : esse cara já ganhou tudo e treina mais que a gente.

Vinícius Monteiro disse...

"Se tivesse um Seedorf em cada time do país, garanto que essa molecada folgada ia olhar e pensar : esse cara já ganhou tudo e treina mais que a gente"

O problema é que o exemplo deles é o Neymar...

Luis disse...

Concentração constante eu recomendo ao Sidney pra não se deixar influenciar pelo Allan

Cacau Avila disse...

Vocês dois aí acima agora fecharam a questão.

O Botafogo, que poderia ter trazido o "nacional" Diego mas, na recusa deste, acabou investindo o que tinha e não tinha e trouxe um exemplo de atleta melhor (e porque não dizer único?), pode estar começando uma nova era em matéria de relações trabalhistas no futebol.

O que Seedorf já fez pelo Gabriel, transformando-o em um jogador que parece ter a cabeça de um de 25, se fizer pelo Vitinho também, não só o Botafogo mas o futebol brasileirão já estará devendo muito ao holandês.

Cacau Avila disse...

Mas são duas personalidades num só corpo Luís.

Só Freud.

eduardo schiefler disse...

Vinícius, é bem por ai !!...e olha que tipo de exemplo é o Neymar né ?! vive se atirando no chão pedindo falta..fominha...Ok joga muito, mas não é o bastante quando pega um time forte.
E fora de campo mesmo, exemplo só se for de manequim de peruca...um corte de cabelo mais ridículo que outro.

Tarcisio A. de Moraes disse...

O Lance! insiste em afirmar que os jogadores do Botafogo não se concentram por causa do atraso de salários. Mas não é isso que diz a Diretoria que diz ser uma experiência. O Lance! não dá nenhuma indicação de que sua versão é verdadeira. Então eu sou obrigado a acreditar nestes jornalistas que eu nem conheço e ainda são em grande parte da FlaPress? É muita falta de respeito com o leitor. É muita arrogância pensar que sua versão será aceita passivamente. Porque estes jornalistas copiam sempre o péssimo jornalismo de manipulação da Globo?

Cacau Avila disse...

E o pior para eles Tarcisio (e excelente para nós) é que o Botafogo parece ter feito uma blindagem definitiva pois nada do que tentam fazer afeta mais o desempenho do time.

O timaço de 2007 sobreviveu, sobreviveu e sobreviveu mas no tiro final (o doping), não houve mais possibilidade de recuperação dos nervos dos atletas.

Ali nós sucumbimos e acabou, por exemplo, no desastre do Monumental de Nuñes.

Vinícius Monteiro disse...

"E fora de campo mesmo, exemplo só se for de manequim de peruca...um corte de cabelo mais ridículo que outro"

Kkkkkk, me divirto.