Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem

Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem
À venda no buscapé em 16 livrarias e em diversas livrarias ao vivo (Clique na imagem acima)

Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Hélio de La Peña também vai ler o livro do Jogo do Senta


Gente boa e botafoguense. Tremenda redundância.

3 comentários:

Frederico disse...

HAHAHA. Esse aí deve tudo que tem ao flamenguista Bussunda, depois que o único cara engraçado e que levava o grupo nas costas morreu, nada mais de sucesso.

Viva Bussunda! O mantenedor de foguenses.

Marcos Paret disse...

O que me lembro do bom comediante Bussa foi a sua tentativa de, escrevendo no pequeno O DIA, tentar vôos maiores em mesa redonda de gente grande.

Sentado ao lado de feras após uma rodada de um domingo, ao ouvir a pauta abrir para o assunto "Zagallo e o time de 70", mandou a fácil e surrada "Zagallo não fez nada: encontrou o time todo pronto"....

Coitado.

Denis Menezes disse-lhe um 'não' categórico, deixou-o com aquela sensação de quem pensa "o que estou fazendo aqui?" e, ato contínuo, começou a mostrar como o velho Lobo pegou o escrete do João e encaixou nele peças importantíssimas como Riva e Tostão e, mais importante, mostrou que o imbróglio "Saldanha/Pelé" poderia ser resolvido com um posicionamento correto em relação ao papel do atleta em campo, entre outras coisas.

Ali "morreu" o Bussunda 'analista' de futebol. Ao vivo. Na TV (e o programa era uma espécie de mania entre o público que gostava de futebol)

Deus o conserve aonde está, com muita vergonha das atitudes do time-co aqui na terra, claro, se estiver mesmo com ELE.

Frederico disse...
Este comentário foi removido pelo autor.