Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Por que todo mundo que veste a camisa do Flamengo chora e por que os flamenguistas se interessam tanto pelo Botafogo?


Belíssimo post publicado no imperdível site "Mundo Botafogo", do meu camarada Rui Moura. Sobrou pau pra todo mundo (calma, tricolores!).

Obrigado pelo link, Chico da Kombi.

Para ler, clique AQUI.

15 comentários:

Péricles disse...

Eu considero Garrincha um dos 5 maiores jogadores de todos os tempos ao lado de Pelé, Maradona, Zico e Cruyff. Um jogador que todas as torcidas admiravam. Um jogador que venceu as 2 primeiras Copas do Mundo (a de 62 praticamente sozinho)e devolveu a autoestima futabolística ao brasileiro, traumatizado pela perda da Copa de 50. Seus problemas de alcoolismo foram uma tragédia não só pessoal como nacional, pois ele era um ídolo. Mas quem escreve a biografia dele não pode omitir a doença dele.

O cara que escreveu isto é um botafoguense típico, que nas veias tem fel ao invés de sangue e muito ódio no coração. O botafoguense na verdade não torce pro Botafogo, não apóia o time, não vai aos estádios. A razão da vida deles é odiar o Flamengo. Infelizmente. Quem vive em função do ódio, do rancor e da inveja jamais poderá ser feliz.

Como eu já falei, botafoguenses são casos para Psicoterapia/Psicanálise...

pc guimarães disse...

Como sempre, framenguistas vivem num mundo de sonhos em que acham que a última palavra é deles. Para desmascarar essa farsa mais uma prova de que o mundo não é o que a Globo mostra pros manipulados framenguistas. Quem tem ódio é framenguista. Quem precisa de Psicoterapia/Psicanálise são os framenguistas. Como prova o depoimento abaixo do ZICO, maior ídolo da história do Framengo.
Arruma uma desculpa aí, Péricles.

Zico: “Eu pessoalmente tinha uma gana muito grande do Botafogo, porque na minha época de torcedor do flamengo eu sempre levei pancada, sempre fui gozado. Eu lembro que eu assisti aquela decisão de 62, Flamengo x Botafogo, que o Garrincha fez três gols se não me engano, foi 3x0. E a partir dali nunca mais assisti a um jogo Flamengo x Botafogo. Nós entravamos para jogar, em frente ao nosso túnel tinha sempre aquela bandeirinha ali 6x0. Aquilo dava uma raiva. (…) O Botafogo era o clube que mais fez ter raiva como torcedor. É porque eles ganhavam todas. Na época de torcedor do Flamengo eles ganhavam todas. Aquele time fantástico do Garrincha, Quarentinha, depois veio Jairzinho, Gerson e tal, então era só pancada. E o Manga com aquela história de gastar o bicho antes. E eu tinha ódio do Botafogo. Quando passei a jogar podia perder para todo mundo, mas ganhar do Botafogo.”

pc guimarães disse...

Repito pra não precisar desenhar. ZICO disse:
"E eu tinha ódio do Botafogo."
Como são ingênuos esses framenguistas. Vivem de farsas. Iludem os menininhos de 8 anos no play do prédio da avó, mas quando encontram pessoas inteligentes e maduras que pensam e conhecem a história do futebol se calam, sentam e choram.
Arruma uma desculpa aí, framenguista.

eduardo schiefler disse...

Normal, o Zico foi criança nos anos que o bota era o time da moda(teve até gente que virou a casaca vendo o Sicupira fazer embaixadinhas nessa época), que jogava bonito e ganhava.
Dai ele cresceu, ganhou tudo que pode pelo mengo, e o bota ficou 21 anos sem ganhar nada.
Falando em raiva e ódio....em 95 ao final do jogo contra o santos no Pacaembu, a torcida do bota gritou o que ?? é campeão ??? não...gritou "urubu otário, o fogão é campeão no centenário"....e ai PC, quem tem ódio é flamenguista ??

Marcos Paret disse...

O time da moda contava com Nilton, Didi, Garrincha, Quarentinha e depois, Gérson, Jairzinho, P.C. Caju e depois, Marinho Chagas, Carlos Roberto e vai por aí caro Eduardo.

Sicupira foi apenas mais um destaque de clubes de fora que o Botafogo trouxe mas que, apesar de ser bom de bola (era um 8 clássico), não se sobressaiu ante gente tão qualificada para jogar futebol.

Ou seja, no Botafogo foi coadjuvante mas veja como jogava bola.

http://www.furacao.com/historia/jogadores/sicupira.php


Ou seja, sua passagem pelo Botafogo foi breve e ali, só agregou valor ao que já sabia em futebol para, saindo em 66, continuar com sua carreira (e olhe que até no Corinthians ele foi parar).

MARCO CAMEJO disse...

Claro né Pc,

Tudo depende da época em que se é torcedor, O zico era torcedor justamente na única época que o botafogo foi amplamente superior ao Flamengo, por isso a tal "raiva".

Ademais, o fato do Zico ser nosso maior ídolo não significa que suas paixões e emoções sejam as mesmas que as nossas.

Cada torcedor, de cada época, tem sua paixão de modo diferente, eu, por exemplo, nascido em 80 não entendo muito bem esse lance de ter raiva do Botafogo que, por exemplo, meu tio também tem, por que eu não vivi essa rivalidade, nutria até uma certa raiva do Vasco até o tri-vice...

A maioria da torcida flamenguista é proveniente dos anos 80, nasceram e cresceram numa época mágica para o clube e até a nossa soberba e confiança religiosa em vitórias vem daí.

Logo, não se engane Pc, a gente não tem raiva de vocês, a gente enxerga o botafogo exatamente como aconteceu na última partida: Botafogo??? Vamos vencer.

Thomas Beta disse...


Santo pai... quanta distorção!

É por essas e outras que o Seedorf está decepcionado com a torcida do Botinha. A falta de senso esportivo e visão positiva parece incurável.

Essa entrevista do Zico está em UM DVD DO FLAMENGO, é motivo de orgulho! Demonstra a isenção e ausência total de complexo de um verdadeiro rubro-negro.

É um altíssimo elogio ao time que vcs já tiveram. Não perceberam? São cegos, surdos ou o quê?

Zico está falando aos risos e se referindo ao adversário como "time fantástico". A expressão "eu tinha ódio do Botafogo" é usada em tom de humor, para fazer rir, como de fato aconteceu. Perceberam ou já estão vacinados contra risos?

Péricles disse...


O Zico (porque jogava num time que teve capacidade para fazer isso) DESTRUIU este ódio que ele mesmo e os flamenguistas em geral sentiam pelo Foguinho. Para isto bastou o seguinte:

1) Entre 1968 e 1989 o Botafogo venceu ZERO campeonatos e o Mengão venceu 6 Cariocas, não sei quantas Taças Guanabara, 3 Brasileiros, uma LA e 1 Mundial de Clubes, fora alguns torneios europeus de verão;

2) O Flamengo devolveu com juros e correção monetária os 6X0, com um 6X0 e um 6X1;

3) O melhor de tudo, o Flamengo no exato dia do 6X0-vingança deixou de ser freguês do Foguim. Caso inédito na história do futebol brasileiro, um time deixou de ser freguês pra virar credor. Hoje em dia a diferença pró-Mengão só faz aumentar. Quando eu falo pros meus filhos que o Flamengo já foi freguês do Foguim eles não acreditam;

4) A nossa torcida só fez crescer, já a de vcs...

Do mesmo modo que o Zico, eu deixei de ter raiva do Botafogo há muito tempo. Hoje o que a gente sente é um misto de pena e simpatia, pq vcs são meio engraçados no seu comportamento patético. Jogo contra nós não adianta, vcs ficam em casa se borrando.

Não deve ser fácil ser Botafogo, principalmente para quem viveu a década de 60...

Saudações rubronegras.

Péricles disse...

O Flamengo foi campeão mundial em 1981 dando show em Tóquio-Yokohama com um time com 8 jogadores da base (Leandro-Mozer-Junior-Andrade-Adílio-Zico-Tita-Nunes). Ninguém mais no Brasil fez isso.

Tem muita gente que tem ódio disso...

Marcos Paret disse...

Blablablááááá.

Mas o que uma sortezinha na CB não faz hein?

Voltaram com compêndios, montaram um wikimengo FLAn/táscico, tasioso, tecem loas a quem quer que seja.

Claro né? O apitazzo continua (e as cagadas então nem se FLAla).

Só queria ver mesmo é se o pênalti do jogo da última quarta tivesse sido marcado, se essa lenga-lenga aí seria a mesma.

eduardo schiefler disse...

Marcos, o lance do Sicupira é apenas uma brincadeira com o PC, que já relatou por meio de vídeo que virou Botafogo ao ver o Sicupira fazendo embaixadas.

Marcos Paret disse...

rsrsrsrs.

Lembrei agora. rsrs. Mas Sicupira, diferentemente da dupla Tuca/Puruca, jogava bola.

eduardo schiefler disse...

O pessoal do At. do PR adora ele.

Luis disse...

Zico chupetinha
tem ódio de Mazolinha que o humilhava em campo e agora nas enquetes
Zico chupetão declarou ter ódio do Fogão
Aceitem essas verdades e seus corações ficarão mais leves,como penas de urubu, caros framenguistas

Marcos Paret disse...

Sim.

No link que mandei, li que fez o nome, apesar de ter apenas um título.

Deve ter sido o 'Paulo Bayer' daquela época.