Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem

Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem
À venda no buscapé em 16 livrarias e em diversas livrarias ao vivo (Clique na imagem acima)

Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Valeu rapaziada do Pop Bola. É o livro do Jogo do Senta do Grajaú para o mundo



Esse pessoal do POP BOLA é do cacete. Eles têm a cara do livro do SENTA. Valeu Alexandre, Toni, Vaguinho, Lopes (grande botafoguense) e Tavares (framenguista, mas gente boa também). Por tabela, o Bebê. Quando eles disponibilizarem o link do programa, divulgo aqui.

7 comentários:

Anônimo disse...

Cumé que é?

Apesar de a CBF e a FIFA terem dado o aval, o STJD ainda vai consultar a FIFA?

http://www.fogaonet.com/noticia-em-destaque/stjd-rejeita-liminar-ao-botafogo-para-liberar-jobson-e-deve-consultar-a-fifa/

Não precisa explicar...eu só queria entender...

Abs
Pablo

MARCO CAMEJO disse...

Pra quem é fã de teoria da conspiração e bafora a tal espanholização, leiam esse artigo e vejam como uma pessoa do bem, munida apenas da razão e bom senso pode destruir uma falácia que vem sendo difundida pelos mal vestidos brasil afora...



http://globoesporte.globo.com/blogs/especial-blog/olhar-cronico-esportivo/post/espanholizacao-do-futebol-brasileiro-analise-dos-clubes-brasileiros-de-futebol-2014-iii.html


Friso( em minhas palavras, pois o PC não permite mais citações):

1. A globo é uma emissora de sinal aberto que lucra com os anunciantes em sua programação.


2. O anunciantes - que pagam a Globo para que esta pague aos clubes-com placa estáticas, patrocínios nas camisas e comerciais no intervalo desejam ter suas marcas e produtos cada vez mais expostos.


3. dados os dois fatos acima, basta-nos apenas pensar:

3a- O brasil tem 12 clubes grandes e a tal espanholização faria com que apenas tres clubes desses 12 ( os que recebem as maiores cotas de TV) ficassem fortes e os outros iriam aos poucos perdendo espaço e exposição.


3b- Para um anunciante, por exemplo a GILETTE, seria melhor vender o seu aparelho de barbear apenas pras torcidas de flamengo e corinthans ou pra todo mundo que consome o produto futebol??

é lógico que será mais interessante que todas as torcidas comprem o barbeador do que apenas uma e/ou outra.

FINALIZANDO:

Então, porque a GILETTE que( mais uma vez) paga a GLOBO para que esta pague aos clubes desejaria que houvesse apenas dois clubes fortes ( ainda que sejam as duas maiores torcidas do brasil) sendo que lucraria bem mais se o seu produto fosse visto por todas as torcidas????


Vitor José Biolchi disse...

Magnânimo PC, vi a coincidência feliz, embora morando em outro estada, votei no mesmo candidato a presidente seu (por pura convicção).

E agora eu ouvi a pérola da Radio Tupi, Eugênio Leal: "Prorrogação é chata!" O que que esse cara faz aí no futebol? Da sua boca mordaz sai fel, que ele pensa se tratar de crítica. Este cara, certamente não viu as "três milhões" de prorrogações que prenderam a respiração do mundo. Repito: vai aprender com os jornalistas mexicanos Canal 1 +, dentre outros. Até parece um certo amigo que dizia: "Ler é chato"! Desliguei, então imediatamente a Tupi +. e vim para os sites botafoguenses, escrever, desabafar. Aliás, acho que no Brasil, somos vítimas dos críticos "cretinos fundamentais", parafraseando o Nelson Rodrigues.

Vitor José Biolchi disse...

(continuação)E nunca vou esquecer (mas preferiria estar errado, ah como preferiria!!!), quando chegou, em 2009, um demagogo que se dizia o novo presidente do Botafogo. Uma das suas primeiras medidas foi afastar um cara, talvez ruim de bola, chamado André Luiz (o zagueiro), mostrou-se, fingido, "todo indignado com o comportamento do zagueiro..." Claro, discordei, pois achava, e hoje tenho certeza, que o André Luiz era mil vezes mais sincero e um milhão de vezes mais botafoguense do que este horror aí, MA, Assunção do Demônio, aliás, somos, nos botafoguenses, vítimas de um carma coletivo, por nossa culpa, óbvio, porque deixamos um cara com pretensões mesquinhas vir dirigir o nosso AMADO GLORIOSO (como diria o querido Beto Brito). E junto com ele vinha um capeta, bem gordo, que dizia, pouco depois, contando proezas, "pegamos um clube, que tinha conta atrasadas de água e luz...". Então, um achou que, sendo judas e metido a administrador, a Globo e os seus amigos políticos o elevaria a uma carreira política meteórica, tanto que deixou de entrar IMEDIATAMENTE com ação, com pedido de tutela antecipada (perigo em mora e "fumaça de incêndio..."), sobre o fechamento criminoso ou duvidoso do Engenhão, e ou ou ainda por culpa exclusiva do Estado incompetente que lhe arrendou um estádio em condições perigosas, que certamente iria lhe acarretar uma séria de quebras de contrato e não lhe permitir honrar compromissos... Disse ainda, (quem tem memória se lembra), de uma forma bem petulante, arrogante (característica marcante daqueles que "se acham", principalmente diante de algumas fugazes vitórias): "Deixamos o acordo trabalhista, porque não era vantajoso para o Botafogo"...
Entrementes, já em extrema crise, fora buscar o Loco, para socorro extremo (e fazer mais uma vez uma mediazinha com desavisados). O Loco, que não é bobo nem nada, não aceitou, e, educado, evitou de responder que não poderia aceitar uma proposta indecente de um indecente. Mas, o pior, é que se o Loco aceitasse a indecência, hoje estaríamos (profeticamente falando e não hipoteticamente) em 13º lugar, porque os gols que os caras estão perdendo, o Loco faria, no mínimo, a metade. Contudo, os idiotas de plantão, o estariam chamando de "poste", "muito velho", ou que "já deu o que tinha que dar". E teve um outro, quase ilustre (ou pelo menos figurinha carimbada) bem menos inteligente do que ele se imagina, - e muito menos botafoguense do que muitos anônimos que vagam por este Brasil a fora, dizendo, em síntese, "vai embora Seedorf que o Botafogo não precisa de você..." Ah e entendo também que o Botafogo (na época) deveria dizer para o Seedorf, quando houve insinuação leviana de que ele estaria "agenciando" alguns jogadores do elenco: "pega a chave aqui, e a metade do Botafogo é seu, faça o que bem entender..." E, então, tenho mais uma certeza, se o "gringo" aceitasse, o Botafogo estaria infinitamente melhor do que comandado por "velhos brochas" (em sentido figurado, que não tem a determinação, a contundência, a visão, o zelo e nível de detalhe que só um verdadeiro vencedor tem). Moral da história:

Marcos Paret disse...

Resposta Camejo...


Porquê, apesar dos valores do esporte serem pagos por Procter e Gambler (as giletinhas), pela bola da pá encalhada do Guanabara e pela fortuna do Sr. Leman da Imbev, A EMISSORA É QUEM DISPONIBILIZA MAIS E MAIS HORÁRIOS PARA A EXIBIÇÃO DOS ESPORTES (futebol aqui falado) E ASSIM PREZADO....

Querem porque querem também criar horários aos sábados.

Para isso, não se ganha dinheiro com Boa Esporte, Avaí e ABC.

A não ser que (todo ano).... OU.

- Vasco
- Palmeiras
- Botafogo (que parecia que ia decolar mas não resistiu - ninguém resiste - a um combinado para lá de explosivo: política externa contrária e dirigente trapalhão).


Ou seja caro e nobre amigo, quem paga são os donos do dinheiro mas eles só entendem de vendas. Quem entende de programação é a emissora.

Acho que fui claro.

MARCO CAMEJO disse...

Sim Paret,


Mas tu acha que a globo decide sozinha??

Tu acha que os anunciantes não interferem na programação???

Parece-me óbvio que sim!!

marcelino dantas disse...

Quando é que você vai colocar na conta dos dirigentes botafoguenses a desorganização do clube, não adianta ter mais dinheiro se o clube é roubado descaradamente pelos dirigentes. Ver o exemplo do flamengo sempre ganhando mais dinheiro, mas sempre desorganizado e roubado pelos safados.