Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

O PSDB sentou que nem o Flamengo?



Desculpem meus queridos amigos que votaram no Aecinho, mas perco a amizade, mas não perco a piada: O PSDB SENTOU? Tá bom, explico. Agora há pouco ao entrar no facebook fui surpreendido muito positivamente por um post compartilhado pelo meu querido vascaíno Edgard. Tenho recebido a maior força de muitos amigos na divulgação do livro do SENTA. lista é enorme. Mas por essa eu não esperava. Pela dupla surpresa. Primeiro por ser um site de política, nada tendo a ver com futebol. Segundo, mais especial ainda, por ser um texto assinado pelo meu querido e "distante" (como ele escreveu) amigo Fernando Brito. Nem me lembrava da história que ele contou e carregou na tinta. Vou contar a minha. Brito foi assessor de Imprensa do governo Brizola.

Quando eu tinha uma pequena empresa de Comunicação, ele resolveu me convidar para trabalhar com ele na assessoria do segundo governo do engenheiro. De forma inusitada. Mandou dois seguranças de terno me buscar em sala de aula, na Facha. Zoador como sempre tentei ser, por cada aluno que passava eu dizia "socorro, esses caras estão me sequestrando". Ninguém levou a sério. Acabei declinando do convite por causa da minha conhecida IMPARCIALIDADE, que se revela também no campo da política, e fui parar na assessoria da Petroquisa, graças a um convite de uma ex-aluna, Elisete.

Um dia, por essas coincidências da vida, fui parar no Palácio Laranjeiras, em um evento do governo do Estado e da Petroquisa. Brito chamou Brizola pra perto de mim e da Elisete e disse: "Lembra do Paulo Cezar, governador? Ele preferiu trabalhar com essa moça do que com o senhor." E o velho Briza: "Fez muito bem. Olha pra ela e olha pra mim, Fernando?". Eu que agradeço, Fernando Brito.

Quem quiser ler na íntegra, clique AQUI.

Aliás, um querido amigo aqui do Blog, que não é maldoso, mas é ingênuo e acha que o mundo gira em torno do Framengo, tentou desqualificar o JOGO DO SENTA e o livro em comentário abaixo. Só aqui no Blog se fala do JOGO DO SENTA? Não é isso que o Blog que criei para mostrar o dia-a-dia do livro mostra. É só conferir AQUI.

Nunca na história desse País um livro teve tanto espaço quase que diário na Mídia. Fora as redes sociais, blogs e afins.

15 comentários:

FOGO F disse...

Disse o ótimo Fernando Brito sobre o PSDB e sua sentada no gramado eleitoral: "É um daqueles casos em que a vocação golpista acaba sendo mais forte que a inteligência política". Não é que o famengo é assim também, isto é, é um daqueles casos em que a vocação para o chororô e para a armação é muito maior que o futebol.

pc guimarães disse...

O Framengo sempre foi o time do Sistema. Dos poderosos, da Elite dominante, dos governantes, dos donos de jornais, dos donos do poder. Usam a massa ingênua e inculta. E se aproveitam da massa culta para enganar os iludidos de que é o time do povo e outras baboseiras. Simples assim. Pão e circo para o povo.

MARCO CAMEJO disse...

Pc,


Poupe-nos do nhém, nhém, nhém...quando se referir ao flamengo escreva: idem, idem, idem...Pronto!!! Ninguém lê mais de tão repetitivo.

pc guimarães disse...

Sentão-mor e favorito no concurso de Mala do Blog acusou o golpe. Aqui tem sempre novidades. Sabemos muito bem quem é repetitivo. Vá lá no google para escolher um post e responder, meu querido amigo gente boa, mas ingênuo como uma criança.

marcelino dantas disse...

Sempre não, ate 70 o dono era outro, pois perrderam o poder playboy.

Marcos Paret disse...

PC.

Gosto do amigo xará (o Camejo), no dia do lançamento do best seller em General Severiano gostaria de tê-lo conhecido (tenho certeza de tratar-se de figura da melhor qualidade) mas infelizmente, caiu na armadinha da bajulação (ato adotado por mais de 80% dos seres humanos - já fiz a estatística por onde passei nesta vida, escola, 3 grandes ambientes de trabalho, 5 a 6 locais de residência com permanência longa (tenho 55 anos), etc.

Bajulação é foda. Quem bajula o faz e muda de direção segundo o seu interesse: quem começa a ser bajulado, dificilmente diz "por favor, pare!".


Camejo, repito, é gente boa mas quanto aos seus escritos, faça como eu - leia por amostragem.

pc guimarães disse...

Concordo com vc, Paret. O Camejo é gente boa mesmo. Também pensei que iria a General Severiano. Não faz por maldade. É imaturidade, inexperiência. Um puro. O nosso Garrincha. É comum nos jovens essa inocência. Sou professor há anos e conheço bem esse tipo de comportamento. Jovens sonham, acreditam nas coisas. E isso é sadio. Faz parte da juventude. E não devemos cortar esse barato. Acho que muitas vezes somos maus com ele e com os outros meninos que navegam por aqui. Precisam acreditar que o Framengo é isso que venderam e vendem pra eles. Se não o fizerem quem vai fazer? Quem vai juntar as crianças de 7 ou 8 anos para falar das "conquistas" do Framengo? Antigamente era fácil. Mas hoje os blogs e sites independentes e as redes sociais estão desconstruindo o mito.
Temos que respeitar. E tratar com carinho.

Marcos Paret disse...

*armadilha

_________________________

Concordo PC.

Mas, para não perder o ritmo e manter a linha do blog, caso ele apareça com mimimi...

Pau nele (para os tricolores, conotativamente falando)!

pc guimarães disse...

Isso. Sem jamais perder a ternura. É um bom menino. E é muito bom que as pessoas ingênuas e puras continuem existindo e acreditando nas coisas.

FOGO F disse...

Concordo com a linha geral. É saudável que os jovens acreditem nas coisas embora muitos se percam na ingenuidade e virem presas fáceis para a manipulação dos malandros. Até por isso não devemos deixar de mostrar o bom caminho para que não façam coisa feia como, por exemplo, achar que "roubado é mais gostoso".

MARCO CAMEJO disse...

kkkkkkk


Grato pelos elogios Pc e Paret...principalmente me atribuindo meninice quando já chego aos 35.

Fernando Almeida disse...

Vamos acabar com a generalização do roubado é mais gostoso? Nem todo Flamenguista pensa desse jeito...

Cristian Hofman disse...

Pc, acho que no quesito pureza e ingenuidade os faíscas são imbatíveis.
Vocês creem que o faísca de 50 anos atrás, esteja reencarnado no inexpressivo clube atual.
Nós rubro-negros, cultuamos o clube preferido das massas, que expressa a garra e a fibra do povo brasileiro. Cultuamos a hegemonia nos títulos, e principalmente a magia do manto, que permite conquistas memoráveis com times modestos.
Pura realidade!
SRN

pc guimarães disse...

É bonito isso. Vcs são unidos nas crenças. Mas vc assume que o Framengo consegue as coisas com times modestos. Como o do ano passado, como o atual. Só não compare com a garra e a fibra do povo brasileiro. Nosso povo luta pra conseguir. As coisas não caem do céu. E são conseguidas sem necessidade de roubar. Nosso povo não acha que roubado é mais gostoso.

MARCO CAMEJO disse...

Pc,


"Mas vc assume que o Framengo consegue as coisas com times modestos..."



Ultimamente sim, confesso. Mas tivemos conquistas com times tecnicamente brilhantes também.

Não se engane Pc: nós não morremos de amores pelo time de 2013 e pelo time atual, apenas entendemos que o único jeito é abraca-los e ir com eles até o final.