Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Arrastão flamenguista de novo, não!

Até a Grande Mídia começa a se preocupar com a possibilidade de novo arrastão dos framenguistas contra a torcida do Glorioso. Todos aqui se lembram daquele jogo (não guardo datas, a não ser 10/09/1944, e não lembro exatamente quando foi) em que fanáticos framenguistas invadiram as antigas cadeiras do Maracanã para agredir torcedores do Botafogo. E amanhã os fanáticos estarão de volta. Mesmo com um time muito inferior ao do Botafogo, os framenguistas, que não têm outra coisa pra fazer na vida, estão comprando ingressos em lotes e ameaçam invadir o setor da torcida do Glorioso. Que as autoridades fiquem atentas a isso.

E o juiz escalado, hein? GB e Mário estão preocupadíssimos. Afinal, Paulo César de Oliveira, da terra do Xexéu, é conhecido por prejudicar o Botafogo. Algo há, algo há.

Site do Extra

7 comentários:

Zabumbeiro de Zona disse...




http://www.youtube.com/watch?v=-1y6Hk2MkL4

Marcos Paret disse...

PC.

Invadir eu não sei pois tem muita separação de setores mas uma outra invasão administrativa está fazendo alguns meses e a vergonha continua na cara.

Ontem, não ventou menos do que 80 km/h na área do Engenho de Dentro. Estou aqui ligado no noticiário desde cedo e até agora, nada de notícia de desabamento por lá.

eduardo schiefler disse...

Pois é Paret, eu vi essa do estádio João Havelange!! Uma vergonha !! Não ia cair ?? Porra...não tem um engenheiro ou arquiteto por ai pra meter a bronca nessa vergonha no crea do rio ??
Sobre essa da torcida, infelizmente a torcida do botafogo é uma lástima, não vai nos jogos quando tá em segundo,terceiro, já esteve em primeiro, e agora num baita jogo importante não tem ninguém comprando ingresso. Dizem que a polícia não vai deixar entrar ninguém com camisa do mengão na torcida do bota, mas se o cara for com uma camiseta qualquer entra, não tem muito o que fazer.

Marcos Paret disse...

Duas coisas Eduardo.

a) nossa torcida está mesmo 'amuada' com estes anos todos esperando chegar o titulo "extra Rio" e com isso, critica mais do que apoia mas quanto a comparecer, foi isso mesmo que falei aí sobre a do Vasco, acho que uma ou duas postagens abaixo. A do Flu mesmo, só tem ido em maior número por 2 fatores: ingressos em promoção a valores 3 vezes menores do que os nossos e um final de ôba-ôba dos dois títulos recentes, misturado a uma repetição da situação de 2009, da salvação da degola.

b) na semana passada, combinei com Carlos Henrique de publicarmos um vídeo bem revelador no nosso blog (Botafogo Eterno). Fui buscar meu carro na mecânica lá no Méier e, ao trocar de composição na estação do E. de Dentro, pude constatar que uma tinta vagabunda usada na estrutura foi o álibi para esta gente que "faz", rouba e manda, dizer que tudo poderia ruir. Verifiquei isto quando voltava da oficina e, ao ir buscar o carro 2 dias depois, filmei parte da estrutura sobre a rua Goiás (é a mesma usada no Estádio) e parte do arco de sustentação do setor Sul. A tinta saiu mas a estrutura está lá, qual, por exemplo, aquelas que sustentam viadutos e que, por décadas, sempre ficam com aspecto de oxidação sem jamais levar tinta.

Devemos publicar o vídeo num intervalo de jogos desses aí.


E por fim, para fechar o assunto torcida, se um (ou vários) elemento (s) entrarem num setor com a camisa do time contrário por baixo, ou a deixam ali ou se a exibirem, os 'Stewart´s' (acho que é assim que são chamados os 'Fifa boy´s') o trocam de setor na hora, pelos corredores internos. Hoje em dia, a fiscalização no Maraca é ao estilo "torcedor a torcedor", ou seja, se a nossa galera não for em grande número, ficará mais fácil ainda pegar os "invasores".

Desculpe pela carta.

eduardo schiefler disse...

Então Paret, esse golpe do fechamento do João Havelange é tão descarado que chega à ser piada.

Sobre o jogo de amanhã, imagine que seila uns 3/4 mil rubro-negros comprem ingressos no setor do bota, esses stewarts não vão dar conta.

Marcos Paret disse...

Não sei. Parece que pode dar uma confusão dos diabos pois agora não há mais aquela antiga separação de arquibancadas.

É setorizado mesmo. Os flamenguistas falam que invadem mas pode ser tudo ôba-ôba para fazer alarde pois entrar no setor do outro time sem a camisa mas vibrar se fizer gol pode remeter às guerras medievais.

Nem Stewart´s, nem o Bope e talvez nem intervenção do exército poderiam dar jeito. Até maluco tem limites.

Gustavo Menezes disse...

Isso é pra sssustar os já assustados torcedores que vão com a família. Estes nunca vão a jogos em que a horda estará presente. E o bando usa isso pra afastar mais torcedores ainda. Garanto-lhes, sou sócio torcedor com pagamento anual. Vou a quase todos os jogos e nunca vi nada disso, nem no Engenhão, nem no novo Maracanã.
É falácia!