Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem

Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem
À venda no buscapé em 16 livrarias e em diversas livrarias ao vivo (Clique na imagem acima)

Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Fluminense volta a ter um advogado como ídolo



27 comentários:

FOGO F disse...

É incrível, embora não possa afirmar com segurança pois não leio tanto o noticiário esportivo, o único colunista esportivo que foi ao ponto essencial desta vergonhosa virada de mesa tricolor - mais uma - foi Juca Kfouri. Vejam, por exemplo, este post do seu blog:
"Tristezas e alegrias de 2013 - Juca Kfouri - 31/12/2013 12:09

5. A presença desta jabuticaba chamada STJD, trincheira da breguice, da ofensa ao vernáculo, da mediocridade jurídica, dos 15 minutos de fama para um bando de engravatados mal ajambrados que sobrevivem à custa dos incautos que os têm na conta de formidáveis advogados.
Por 13 a 0, com a unanimidade burra acusada por um tricolor genial, deram um tiro de canhão numa mula; "

Foi perfeito sem escrever muito. Apenas mostrou que o rei está nu ("calma tricolores"). Disse em poucas palavras o que centenas de páginas de reportagem e horas de TV não disseram. Não é por acaso que JK não é formado em jornalismo mas em Ciências Políticas.

PC, você que é uma referência no ensino do jornalismo e da imparcialidade futebolística, não acha que estes currículos dos cursos de jornalismo deveriam ser reformulados?

Na minha modesta opinião acho que jornalismo deveria ser uma pós-graduação. Não deveria ser exigido o diploma de jornalismo para atuar em qualquer veículo de mídia. No jornalismo esportivo hoje, diploma de jornalista é diploma de FraPress. Além disso são todos iguais e repetem o jornalismo da Globo.

rbn disse...

FOGO F, a lei existe pra ser cumprida.Ponto final.

18 clubes cumpriram a lei, 2 clubes não cumpriram a lei, por isso foram punidos.

Juca kifuri e outros jornalistas deviam antes de tudo, se informarem muito bem para depois, dar uma opinião baseada em argumentos sólidos, e não andarem a escrever merda nos jornais por clubismo, tipo fra-press.

Essa coisa de distorcer a realidade vai dar merda, pois quem fez a verdadeira merda foi o framengu e a purtuguesada, mas o que venderam na imprensa foi virada de mesa, que não aconteceu.

Vai ser preciso alguem com a camisa tricolor no meio da rua levar um tiro na cara à toa e morrer para que estes jornalistas irresponsáveis digam o que realmente aconteceu???

Querem ver o circo pegar fogo, querem ver torcedores serem agredidos à tôa na rua por vãndalos estúpidos por causa de uma mentira muitas vezes propagada, e amplificada por gente de má fé?

Só digo uma coisa:violencia gera violencia, e não vamos ficar de braços cruzados sem reagir, vendo vandalos agredirem e insultarem crianças de 2 anos apenas por estarem vestidas com a camisa tricolor, disso voce e todo mundo podem ter certeza.

O clima de intimidação e perseguição criado pela mídia em cima do Fluminense sem este ter culpa nenhuma no cartório, vai dar merda grossa um dia desses.

pc guimarães disse...

O que as pessoas querem ver é time que cai pra Segundona dentro de campo não voltar pra Primeira graças a jogadinhas de tapetão. Assumam, tricolores. Mas é claro que violência não é o melhor caminho. Tem que gritar tapetão, time do tapetão, segundona etc. E os tricolores têm que engolir calados. Ou encontrar uma outra forma de zoar. Assim é o futebol. O que não pode é fazer a mutreta e depois se fazer de vítima, meu caro rbn. Ainda mais que essa não foi a primeira armação para continuar entre os principais clubes do campeonato.

rbn disse...

Jogadinhas de tapetão?
Em 1996, quem tinha que ter sido rebaixado era curintia e patetico do paraná por COMPROVADA CORRUPÇÃO E VICIAÇÃO DE RESULTADOS, e consequentemente, Flu e Bragantino mantidos na 1ª divisão, porque não fizeram MUTRETA FORA DE CAMPO!

Em 1999, quem devia ter sido rebaixado era o seu time e o Inter , mas graças a "jogadinhas de tapetão" igual a de 2013, recuperaram 3 pontos porque os bambis FIZERAM MUTRETA FORA DE CAMPO, escalando jogador irregular!

Se não cumprir a lei é ARMAÇÃO E MUTRETA, o seu time, mesmo jogando dentro da lei em 1999, DEVIA TER SIDO REBAIXADO, porque caiu pra segundona DENTRO DE CAMPO!

A gente aceita de bom grado a zoação, afinal é esta a principal razão de viver dos torcedores rivais, mas não de jornalistas profissionais que traíram o juramento ao julgar e condenar o Fluminense na praça pública tem terem argumentos válidos para isso, como se fossem os donos da verdade única e absoluta.

Estes são os verdadeiros culpados de agressões verbais e físicas a crianças de 2 e 3 anos, ou mulheres no meio da rua, pelo simples fato de vestirem o manto.

Mas não pensem voces que vamos ficar calados e aceitar ofensas e agressões gratuitas no meio da rua sem reagir.

Porque se existe um culpado nessa história toda, não somos nós, e não vamos assumir culpas de dirigentes irresponsáveis que não tiveram um mínimo de cuidado com o próprio clube, ou gente que combinou resultados com o falecido Ivens Mendes, ou que ainda foi à justiça comum como o Gama, paralisando o campeonato de 1999 meses sem fim, até que o clube dos 13 convidou 116 clubes para fazer o campeonato.

Se alguém fez armação ou mutreta, não fomos nós, portanto, não devemos nada a ninguém, muito menos aos rivais.

pc guimarães disse...

Pare de justificar a jogadinha do Sistema para salvar o Flu com o que vc acha que foi jogadinha do Sistema para beneficiar outros clubes, rbn. Pare de remar contra a maré. O Flu armou, está se fazendo de vítima e agora os torcedores é que estão pagando o preço dessa armação da vez. Na época do José Carlos Vilela, o Rei do Tapetão, não existia internet para denunciar. Quando vcs estouraram uma garrafa de champanhe para comemorar outra das viradas de mesa as redes sociais ainda não existiam com a força que têm hoje. pare de botar a culpa nos jornalistas também. O fato é que o Flu perdeu dentro de campo e se deu bem fora dele. Simples assim, amigo. Pode até ser legal, mas é imoral. O justo seria pagar a Segundona. Pelo menos dessa vez. A gente até esquece a outra.

Reinaldo disse...

E sempre o mesmo blabla de sempre na minha opinião todos tem culpa no cartório o botafogo por ter um título conquistado roubado encima do santos, e o fluminense pelo tapetoes de sempre.

pc guimarães disse...

Framenguista falando de Botafogo beneficiado pela arbitragem! Mata-me de rir. É muita cara de pau. E falta de conhecimento sobre a história do futebol.

FOGO F disse...

É evidente que é imoral esta virada de mesa onde um clube que conquistou a permanência na série A dentro de campo perde 4 pontos no tapetão e é rebaixado para dar lugar a outro que não teve este merecimento.

Mas mesmo do ponto de vista "legal" houve armação. Dentro do regulamento a necessidade de comunicação no primeiro dia útil poderia ser interpretada a favor da Portuguesa. A decisão também está em flagrante contradição com o Estatuto do Torcedor que é lei e está acima do regimento do STJD.

Como disse o Juca Kfouri, estes tribunais são arbitrários e desnecessários. Este sistema só existe para permitir as armações e render altos salários e honorários a estes pilantras que se dizem advogados especialistas em direito desportivo. Há quem defenda este sistema e há quem queira mudá-lo. Os Botafoguenses naturalmente tendem a querer mudá-lo. Já os tricolores dependem dele para permanecer na série A.

rbn disse...

Voce é engraçado cara.

José Carlos Vilela e Carlos Eugenio Lopes, o Carlô, foram dois grandes advogados que mandavam habeas corpus atrás de habeas corpus pra todo mundo do Fluminense, em prática bastante comum em todos os clubes naqueles tempos da FERJ do saudoso Otávio Pinto Guimarães, antigo dirigente do seu Botafogo, que pra ficar de bem com os 4 grandes do Rio, ficava sempre "em cima do muro", nunca dizia não a ninguém, e tu sabes muito bem disso, talvez até melhor que eu.

IMORAL é voce dirigir bêbado ou sem cinto de segurança, e eu assumir a sua culpa e dizer ao guarda que fui eu.Foi irresponsável, assume a culpa rapá.

Quem tem que assumir culpas neste caso de 2013, mulambos e portugas, nunca assumiram a culpa, fizeram-se de vítimas do vilão Fluminense, claramente apoiados por muitos jornalistas cheios de clubismo.

Aceito gozação de voce como torcedor e blogueiro, é a sua função, tem que ser parcial e puxar a brasa pra sua sardinha.Como jornalista e cronista do JB, voce devia ter um pouco de isenção e apurar fatos antes de emitir opinião, senão voce é exatamente igual a quem voce fala mal, a fra-press.

Eu não queria estar na pele de juca kifuro ou renato zandonaide mauricio prado por exemplo.Qualquer dia eles dão de cara com um tricolor meio puto da vida com essa campanha que eles andaram a fazer contra o Fluminense e levam uma sessão de porrada ...à tôa.

Violencia gera violencia, não é solução, mas se alguém acha que vamos assumir culpas que não são nossas, baixar a cabeça e ser os bandidos nesse filme, pode tirar o cavalinho da chuva.

Como disse, se alguém tem culpa, não é o Fluminense.

rbn disse...

A lei esportiva de 1987 dizia que o campeão do módulo verde tinha que jogar com o campeão do módulo amarelo, para se apurar o campeão brasileiro daquele ano, caro Reinaldo.

O framengu e o sport recife venceram os módulos, mas o framengu não quis jogar com o sport e se auto intitulou campeão brasileiro de 87, mas no site da fifa, diz que o sport é o campeão por WO do framengu.E agora???

Carlos Eduardo Mota disse...

Armou aonde? Descreva com fatos

pc guimarães disse...

O Fluminense pode até não ter culpa, mas foi, como sempre, o beneficiado. Se bem que essa história do advogado da Portuguesa está muito mal contada. Quanto ao Otávio Pinto Guimarães foi durante o seu mandato como presidente da Federação que o Botafogo ficou aquele longo período sem título. Vc pode até comparar as armações do Flu com a do Framengo, são iguais. Mas não tente envolver o Glorioso nesse balaio de mutretas.

pc guimarães disse...

Quanto aos fatos, meu querido Carlos Eduardo, estão aí pra quem quiser ver. Ou não fingir que não vê. O Flu não pode entrar no tapetão para evitar as críticas e zoações. Esse tapetão não existe.

Carlos Eduardo Mota disse...

Eu prefiro que tu me mostres... Pois o que eu vejo é apenas bravatas jornalísticas e zoaçoes de torcedor.

Lembre-se caro amigo botafoguense (tal como meu saudoso avô), fatos, e não opiniões ou interpretaçoes equivocadas e replicadas pela flapress

pc guimarães disse...

Quem tem que se justificar são vcs, tricolores. Vai passar 2014 tendo que dar desculpas e justificar a virada de mesa. O FATO é: o Fluminense foi rebaixado dentro de campo. Mais uma vez. Se beneficiou de um "erro suspeito" da Portuguesa. Pague pelo menos dessa vez a dívida e vcs não serão zoados pelo Brasil.

MARCO CAMEJO disse...

Rbn,


não ouse falar com propriedade daquilo que você pouco conhece:


1- As interceptações telefônicas de 1996 dos presidentes de corinthans e atletico foram referentes a jogos da COPA DO BRASIL DE 1995, o caso nada tinha a ver com os resultados do CAMPEONATO BRASILEIRO DE 1996, a verdade é que tava todo mundo doidinho pra arrumar um esquema pra virar a mesa( inclusive o renato gaucho já saiu de campo falando isso quando foram rebaixados)...


2- " 1987 a lei esportiva" que lei meu amigo, que p... de lei é essa??? Filho, aprenda sobre 1987:


1- O botafogo foi rebaixado em 86, mas arrumou um esqueminha no STJD da época pra ficar na 1ª.

2- Os outros clubes rebaixados com o botafogo queriam uma "ajudinha" também pra ficar na primeira divisão. Entraram na justiça comum e genharam.

3- A CBF alegando impossibilidade jurídica e financeira, pois não tinha grana pra bancar as despesas da competição, declara que não pode organizar o brasileiro de 87.

4- é criado o clube dos 13 sob a liderança do presidente do São Paulo ( sim, este que hoje reivindica taça de bolinhas pra si).

5- o clube dos 13 anuncia que organizara o campeonato, mas será apenas com os 13 membros + 3 outros participantes.

6- O clube dos 13 consegue patrocinio da globo, varig e coca-cola.

7- A CBF ve que perdera grana e com a pressão dos outros clubes que ficaram de fora volta atras e quer organizar o campeonato.

8- depois de idas e vindas fica acordado que o campeão brasileiro sairá do modulo verde e o cruzamento com o modulo amarelo decidirá apenas quem representará o brasil na libertadores.

9- quase no fim da competição a CBF decide mudar e diz que campeão brasileiro sairá do cruzamento entre os modulos.

10- clube dos 13 nao aceita e em reunião ( ONDE PARTICIPAM TODOS OS CLUBES) decidem aclamar o flamengo campeão brasileiro de 87.

11- flamengo e internacional sob a tutela de todos os clubes membros do clube dos 13 nao vão as partidas contra sport e guarani, são eliminados e a CBF aponta o Sport como campeão.


****************************************************************************************************** RBN,



na proxima vez que tentar falar sobre algo que desconhece, vá se inteirar dos assuntos antes de sair defecando pelos dedos!!!

Carlos Eduardo Mota disse...

Justificar o quê, cara-pálida?

O fluminense foi beneficiado sim, mas e a tal a virada de mesa botafoguense do caso Sandro Hiroshi?

Teu clube de bairro é virador de mesa SIM! Iria disputar a segundona junto com o fluminense em 2000

Por que não se investiga a relação entre o Sr Manuel da Lupa, o jurídico da portuguesa e o tal advogado? Porque toda essa polêmica está em cima desses entes (o tal telefonema)

O resto é zoaçao de torcedor e conto da carochinha!

Ou você também acredita que o Celso Barros compra tudo?

Fala tanto em flapress e age igualzinho!

Fatos, camarada, apenas fatos!

pc guimarães disse...

O pessoal aqui já explicou o que houve no caso Hiroshi. Mas mesmo que tivesse sido virada de mesa, que mania que os tricolores têm de justificar seus próprios erros com erros passados. Ô timinho! E sabemos bem quem é clube de bairro.
Segundona já.

MARCO CAMEJO disse...

Pois é Pc,



O fluminense é igual aquele deputado famoso que justificou seus milhões sendo um sujeito de muita sorte por ter ganhado três vezes seguidas ( com as mesmas dezenas) na mega-sena:


foi rebaixado em 1996.


desculpinha tricolor:


foi o corinthans e atletico-pr que armaram em jogos da copa do brasil de 1995, não tivemos culpa de nada.


volta a serie A em 2000 sem disputar a B.


desculpinha tricolor:


foi o botafogo que armou tudo ( embora seja verdade) nós não pedimos nada, a CBF que nos colocou direto na primeira.


tapetão 2013.


desculpinha tricolor:


a culpa é do flamengo que ligou num sabado a noite pro preidente da portuguesa oferendo 50 milhoes pra escalar o jogador no domingo e evitar o rebaixamento ( engracado que o flamengo tbm combinou tudo com o vasco, coritiba, portuguesa, inter, gremio, sao paulo, bahia e o próprio fluminense pra tudo se encaizar perfeitamente no plano maquiavelico)...nós mais uma vez não temos culpa de nada...

******************************************************************************************************

Carlos Eduardo Mota disse...

Erro de quem, camarada? Só se for de Corinthians, atlético-PR, Gama, Botafogo, portuguesa e Flamengo

Cobra a série b do fluminense desses clubes!

Só você mesmo pra acreditar que o fogão é exemplo de lisura!

E é time de bairro mesmo! Uma Conmebol, um brasileiro no apito e menos de 20 cariocas?

Mas tudo bem... Você é o dono da casa...

FOGO F disse...

Não concordo que o florminense não teve culpa pela virada de mesa. A virada de mesa se deu no tapetão e todos que a defenderam são culpados. O florminense enviou até seu advogado-ídolo para defender a vergonha.

Mas os clubes que aceitam os desmandos da corrupta CBF e deste ridículo STJD também são culpados. São eles que apoiam o sistema.

Como podem defender que os advogados do STJD vistam a camisa do florminenC, entrem em campo, ou melhor, no tapetão, e subtraiam não apenas os pontos que a Lusa conquistou na partida em questão mas também outros 3 pontos que seu time conquistou em outras partidas com méritos próprios? É esta a moral tricolor?

Além disso sabemos que a sede do STJD é no Rio, na rua da Ajuda, que seus auditores são na maioria cariocas ligados a clubes do Rio. Então é passar diploma de idiota aceitar isso. Ou então há outros interesses envolvidos.

Está claro que a justiça comum aceitará o pleito dos torcedores da Portuguesa. Os advogados/auditores do STJD sabiam disso e estavam dispostos a melar o campeonato do ano que vem para beneficiar o florminenC. É incrível até onde vai a ousadia e irresponsabilidade desta máfia.

A decisão absurda do STJD e suas consequências deixam a sensação de que muita coisa, muitos interesses, estão por trás ("calma tricolores"). Algo há, algo há.

Marcos Paret disse...

Eles, ou são burros ou autistas.

- Não é um brasileiro no apito, já que os erros no apito começaram já no primeiro jogo da decisão aqui em 95.

- Não é apenas um brasileiro e sim dois, já que a Taça Brasil/68 foi homologada pela CBF (é a única entre os clubes cariocas) e não adianta chororar que teve Metropol pois enfiamos 6 neles e na semi, passamos pelo Cruzeiro.

Cruzeiro sem 2 titulares? Botafogo igualmente sem Jairzinho e P. C. Caju.

(destruida a primeira pedra).

- Menos de 20 cariocas como assim? A sua pessoa, além de autista, cabula aulas de matemática desde a singela tabuada? São 20 mesmo com todos os roubos notórios (71, 2007/9 e mais 2 campeonatos da cidade do Rio de Janeiro não homologados - igual a um do tri do menguitinho em 78/79/79).


Faz as contas.

Carlos Eduardo Mota disse...

Aulas de matemática? Sei a tabuada sim...

Em primeiro lugar, não tenho a menor obrigação de saber a história deste clube de bairro

Em segundo lugar, continua irrelevante, tal como o clube do bairro vizinho - 2 brasileiros e 20 cariocas

Em terceiro lugar - me chamar de burro e autista? Até agora só me manifestei sem ofender a ninguém - não sou fanático, apenas não concordo com a abordagem dada ao assunto na mídia - e replicada pelos blogs e micos de circo - zoaçao tudo bem, mas que se mantenha o respeito mútuo.

Pra finalizar, burro e autista é você!

Bom dia!

Carlos Eduardo Mota disse...

Mesmo com ponto de vista diferente, concordo que "algo há", acho muito leviano atribuir a responsabilidade apenas ao fluminense - ainda mais com o envolvimento da tropa flamenguista, os defensores da moralidade

Pense bem: imagina a guerra judicial entre Fla e Flu na justiça, se não" surgisse" esse caso da portuguesa?

Interessa a CBF, a Globo?

É mais complexo do que isso, camarada...

MARCO CAMEJO disse...

Carlos Eduardo Mota,


a maioria dos Jornalistas e torcedores de todos os outros clubes estão indignados com as "coincidências" sempre a favor do fluminense...


Não é possível que todo mundo esteja errado e apenas vocês e os membros do STJD estejam certos...


Quando você ou outro tricolor conseguir explicar decentemente pra mim por que o procurador em 2010 diz que não se pode desmerecer o que foi conquistado em campo por questões meramente técnicas e agora em 2013 prega a aplicação fria da lei eu acreditaria numa inocência tricolor...

Carlos Eduardo Mota disse...

Verdade, amigo!

Jornalistas como Renato Mauricio Prado, André rizek, e outros rubronegristas que jogam pra galera - inclusive o primeiro propôs a sandice dos outros não jogarem com o fluminense...

Lembre-se que tudo começou com um erro infantil do seu Flamengo...

E lembre-se, se não é a Portuguesa, seria o seu Flamengo...

E por que o fluminense? Com o "tapetão", ficou acima do Flamengo!

Ou os rubro-negros estão preparando também ações na justiça?

E já se publica que a Portuguesa não vai mais entrar na justiça "comum" - não precisa de muita pesquisa pra descobrir que o presidente da. Portuguesa e o maior 171

Só acho que a suruba ta entre portuguesa (presidente e jurídico), cbf e Globo - como eu falei antes - pra quem interessaria uma batalha judicial entre Fla e Flu? Quem vai investigar promiscuidade na portuguesa?

Amigo, é um ou outro: portuguesa na segunda, ou brasileiro com 24 clubes - não arrisco palpite

MARCO CAMEJO disse...

R M P- flamenguista, Rizek-corintiano, Antero Greco- palmeirense, Juca kfouri- corintiano, Pvc- palmeirense, Trajano- america, Calçade- São paulino, Gian Oddi- Atleticano...Todos eles são contra Percebeu amigo??


E outra: querer transferir a culpa desse episodio lamentável ao Flamengo é pior ainda, o flamengo foi mais injustiçado que a própria portuguesa na punição, visto que o próprio advogado do fluminense e alguns auditores declaram concordar com a tese da defesa ( um deles inclusive disse: " Se não fosse esta uma situação especial poderíamos repensar nosso voto" Ora, ora,ora justiça não é justiça, lei não é lei, por que falaram isso??? Porque se fosse numa situação diferente eles iriam absolver o flamengo e naquela situação não??? Os caras já vão com voto feito e nada muda aquilo...

Podem ter voltado à primeira divisão por esquemas escusos mais uma vez, mas o fluminense ficará pra sempre marcado como um clube rebaixado moralmente...