Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem

Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem
À venda no buscapé em 16 livrarias e em diversas livrarias ao vivo (Clique na imagem acima)

Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Artilheiro dos gols bonitos no Livro do Senta



Dodô, personagem principal de um dos maiores roubos da história do Maracanã, também está no Livro do Senta. Acaba de ser entrevistado, por telefone, via São Paulo.

E pensar que tem framenguista que comemora esse título!!!

16 comentários:

AndreRedBulll disse...

Bom salientar que o juiz nessa ocasião deu o CARTÃO VERMELHO DIRETO então para mim foi realmente intencional.
Fora isso PC um otimo video para sacanear o flamengo da uma olhadinha
https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=mUQkbIlV9X8

Thomas Beta disse...


O Dodô comemorou a roubada no América em 2006?

Zabumbeiro de Zona disse...



Faltam 40 DIAS e uma Copa do Mundo inteira para o framengo tentar sair do 19º lugar.

KkKkKkKkKkKk...

Thomas Beta disse...


Na boa mesmo...

Depois de o Botinha ter lutado por 89 anos para se dizer campeão de um Carioquinha inacabado de 1907, dividido com o Fluzeco, e que desonrou a memória do Lamartine Babo...

E assim melecou de vez a sua já tão simplezinha história, ao ter como seu primeiro título um troço inexistente dado de presente pelo Caixa D'Água...

Cara... tudo mais fica parecendo uma glória...

Deviam até fazer uma estátua do tal Max derrubando o Chrys, em 2006.

E aí? Já fizeram?

pc guimarães disse...

Caramba! Dão desculpas para tudo. E tentam sempre justificar erros com supostos erros. "Ah, nós se demo bem, mas vcs também se deram". Lamentável. Mas fazer o quê? É assim que os framenguistas pensam. Agora há pouco estava conversando com um amigo vascaíno e ele me disse: "São dois erros absurdos que vi contra o Botafogo. Esse é um deles. Me lembro do lance até hoje. E olha que eu não sou botafoguense".
Pois é.

Marcos Paret disse...

A menguitada tá indócil.

Haja hipoglós para mais de 40 dias de toba em todos os cantos por onde andam.

NO meu trabalho, um elemento tá quase perdendo a linha quando chego pela manhã e pergunto se o palmeirense que mandei conversar com ele o consolou.. rsrsrs.

E, coitado, ainda deu um mole de ir trabalhar de camisa verde esta semana.


Estão descontrolaaadaass.

Marcos Paret disse...

Lembrei ao ler a Veja desta semana.


Mário H. Simonsen disse .. "... se só existe no Brasil e não é jabuticaba, é besteira...."


Adaptando para "....se só existe no Brasil e não é jabuticaba, pode chamar de besteira, inutilidade ou Flamengo... dá no mesmo..."

Marcos Paret disse...

E aqui uma perguntinha que não quer calar da hora.


Será mesmo que agora, o bom time alemão vai querer continuar envergando, a comando da Adidas, aquele pano estranho que nem de longe lembra os uniformes tradicionais daquele selecionado?

Aguardarei para conferir.

Marcos Paret disse...

Olha só menguitada.

O pedreiro caiu aqui do andaime, machucou a cabeça e teve que levar 8 pontos.

Já tem mais pontos do que o framengo.

:-)

Marcos Paret disse...

E para ir dormir, mais uma do menguitinho.


Tá tudo muito bom - tá tudo muito maneiro.

E enquanto você lia.... mais um gol do Cruzeiro.


De leeeeeeveeeeeeeeee

Zabumbeiro de Zona disse...


Faltam somente 40 dias e uma Copa do Mundo para o framengo tentar sair da escuridão.

19º. KkKkKkkk...

Paulo Victor Viana disse...

Essa é mais uma prova que a Globo torna o roubo como algo normal!

A mesma relação de mentira tentou colocar nos jovens sobre a seleção de 1982, que se cristalizaram no imaginário popular sempre uma terra fértil para o crescimento de mitos e lendas.
A Globo(sempre ela)transmitiu aquela copa com exclusividade. Portanto,era de seu interesse que aquele evento se transformasse numa espécie de divisor de águas das transmissões esportivas. Felizmente,o projeto deu em água de barrela. Aquela seleção era medíocre. Contra a URSS foi vergonhosamente ajudada pela arbitragem. Quando pegou um adversário tradicional e sem a ajuda do apito amigo,naufragou. Bateu em uns bêbados na
primeira fase e uma Argentina em transição e ficou famosa. Apenas isso!

Nada se compara a Jairzinho, Gerson, Tostão, Pelé e Rivelino. Nada! Dizer que essa seleção de 1982 foi a melhor de todos é uma ofensa a geração de 1970, até mesmo a Holanda de 1974!

Aproveito pra compartilhar o vídeo dos melhores momentos contra a Itália pra tirarem suas conclusões..

https://www.youtube.com/watch?v=qM57EARujzU

Marcos Paret disse...

Paulo Victor meu amigo.

Concordo com o que você diz mas com adendos e vou por tópicos. Me entenda, não quero desconstruir a sua opinião mas apenas, falar do que vi e analisei.

- Aquele time de 82 não era só midiático. Era sim, um time SEM TREINADOR (vamos combinar, Telê só perdeu a aura de derrotado quando descobriu como fazer o S. Paulo jogar e ser eficiente - antes, era só o 'joga bonito' sem força, sem consistência).

... o time de 81 era sim muito bom, melhor do que os de 94, 98 e 2010. Melhor até do que o de 2002. Se não fosse a teimosia com o perna de pau Serginho Chulapa e a outra turranice em achar que apenas talento iria resolver (éramos de uma bagunça tática inacreditável), ganharíamos a Copa com um pé nas costas.

- Nada se compara sim a Jair, Gérson, Tostão e Pelé... Talvez só mesmo Pelé, Garrincha, Didi e Nilton Santos (58) mas aí meu amigo, você quer comparar épocas impossíveis de serem comparadas.

Ter uma seleção com 4 feras (82) e outra na qual não cabia, por vezes, nem alguém na categoria gênio no time (Rivelino teve que aceitar ser ponta esquerda para não ser banco) é algo impossível de ser medido apenas no olhar ao campo, na análise pelo resultado de um jogo.


Me desculpe mesmo. Sou botafoguense e daqueles roxos. Não dou fanático pois fanatismo mata mas sou doente, apaixonado pelo meu clube e pela sua história. Neste exato momento, acabo de postar no meu blog exatamente sobre o (respeitável e justificável) ufanismo alvinegro em matéria de seleção, mas vamos dar a César o que é de César. A seleção de 82 era, não como querem os flamenguistas, melhor do que as campeãs mas ainda assim, uma das 5 melhores que tivemos até hoje.

Se jogasse com um esquema tático, ralo que fosse, deixaria esta seleção espanhola no chinelo. Seria uma humilhação a cada jogo.

gtavares disse...

Concordo totalmente com o Paulo Vitor.Ainda fazem pesquisa da seleção de todas copas e incluem goela abaixo jogadores medianos como Adriano, Jorginho, Junior. Ainda bem que não tiveram a cara de pau de colocar o galinho amarelão, só faltava essa.
GB

Paulo Victor Viana disse...

Paret,

Concordo com todos os pontos argumentados.

Se fosse por qualidade individual, certamente esta seleção de 82 não precisaria nem entrar em campo, bastaria entregar a taça.

Mas futebol não é apenas isso como você afirma. Muito por conta da teimosia do Telê em não dar um padrão tático a esta seleção.

Cresci ouvindo do meu pai(flamenguista) na década de 80 que essa seleção era a melhor de todos os tempos e também que Reinaldo era viado, comunista e maconheiro. rsrsrs

Fazendo uma analogia ao mito da caverna do Platão, pude buscar a verdade e não apenas as projeções midiáticas (Globo) que eram mostradas a mim. Devo isso a internet!

Assisti todos os jogos da seleção de 82 e notei que era um time sim de qualidade, mas sem conjunto, perdido em campo. Quando enfrentou a Itália com um padrão tático definido e ótima marcação deu no que deu.

Talvez, se o Reinaldo fosse convocado poderia ter ajudado a seleção a pelo menos a empatar aquele jogo.

Infelizmente, foi uma década perdida, não ganharam nem Copa America...

Marcos Paret disse...

Como eu disse, dois erros crassos foram cometidos. O primeiro, pela teimosia do até então pé frio Telê (a trajetória inicial do Cuca foi muito semelhante à dele), foi o de passarmos 4 anos sem criar padrão tático, sem jogadas ensaiadas.

O segundo então foi mais brabo. Foi se achar que Reinaldo não poderia ir pela condição física. Se ele entrasse jogo sim jogo não, possivelmente aquele time teria sido campeão.