Livro sobre o Sandro Moreyra

Livro sobre o Sandro Moreyra
PRÉ-LANÇAMENTO - 22 DE AGOSTO - GENERAL SEVERIANO

Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

sábado, 3 de dezembro de 2016

Salve jornalistas botafoguenses mortos na tragédia do Chapecoense


A homenagem singela do Blog aos colegas Guilherme Marques e Guilherme Van Der Laars.

4 comentários:

Anônimo disse...

O Picciani e um ministro que não entende nada de esporte e tava fazendo o que em Chapecó ? Assim como o Temer que e tão covarde que entrou na hora do hino da Chapecoense para não ser percebido com medo de ser vaiado. Esses golpistas não me representam meu nobre pc.

Marcos Paret disse...

Linda a homenagem na sede histórica do Fogão.

Nada da grandiosidade das cerimônias em Medelin e Chapecó, pelas próprias dimensões/características/circunstâncias mas ainda assim, de uma nobreza intensa.

Parabéns mais uma vez, Botafogo e botafoguenses!

Anônimo disse...

PC, na 1a. página da Globo.com o "...Fla busca ser 2o..." só pra não dizer que busca ser VICE !

Essa flapress é muito escrota. Merece a "nação" que tem...

Abs
Pablo

Marcos Paret disse...

E para não dizer que não falei de imbecis (e como eles existem hein!)..

E o Alex do Inter galera?

hahahaha.

Ontem, não lembro se pulando com o controle de um jogo para o outro (adoro ver estes metidinhos se ferrarem - em campo, claro), vi o banco do time dele e ele, enfiando a cara numa camisa (ou toalha).


E no início do ano ...." .. Vou ficar no Inter pois não quero ficar brigando para não cair... ".

E aí, completo: tá certo que o Botafogo pré-Camilo não iria brigar na parte de cima da tabela, mas que projeção foi essa que, só pelos 4 ou 5 jogos ruins do início, nos deixava em situação de rebaixamento?

Eu, pelo menos, vi foi muita afobação e azar naqueles jogos e não incompetência.